A importĆ¢ncia de desmembrar o valor da conta Ć© saber quais fatores interferem no preƧo final da energia para ter mais controle sobre seus gastos.

 

Com a correria do dia a dia e a necessidade de focar em nossas muitas obrigaƧƵes, ao recebermos a fatura de energia, seguimos quase automaticamente para seu pagamento, sem qualquer anƔlise prƩvia. Mas pelo que de fato estamos pagando? Ao que se refere o valor final encontrado na conta de energia?

Ɖ fato que, ao desdobrarmos o valor da conta de energia, enxergarmos melhor quais sĆ£o os pilares de formaĆ§Ć£o do preƧo e, assim, temos um melhor controle sobre o orƧamento.

Pensando nisso, nesse texto traremos informaƧƵes sobre os fatores que interferem no preƧo da energia no Brasil, e como isso altera o comportamento orƧamentƔrio da sua empresa.

 

FormaĆ§Ć£o do PreƧo de Energia

Nos Ćŗltimos anos, vivenciamos um aumento significativo nas contas de energia. Isso se deve, alĆ©m do movimento contĆ­nuo e oscilante da nossa economia, a algumas forƧas implĆ­citas do setor elĆ©trico brasileiro.

Quando pensamos na formaĆ§Ć£o de preƧo da energia, precisamos considerar todo o seu percurso, da geraĆ§Ć£o ao consumo, pois cada etapa possui custos variĆ”veis, de acordo com o perĆ­odo e funcionamento do sistema.

GraƧas a essas caracterĆ­sticas, podemos incluir como pilar de formaĆ§Ć£o os custos de geraĆ§Ć£o, a disponibilidade de recursos, a demanda energĆ©tica do paĆ­s, os custos de manutenĆ§Ć£o e ampliaĆ§Ć£o da estrutura de transmissĆ£o e distribuiĆ§Ć£o de energia, e os impostos. Tudo isso influencia diretamente no valor final da fatura.

 

PreƧo de LiquidaĆ§Ć£o das DiferenƧas (PLD)

Quando abordamos a formaĆ§Ć£o do custo da energia elĆ©trica no mercado livre, os pilares se mantĆ©m semelhantes aos comentado acima, porĆ©m, enquanto as tarifas de distribuiĆ§Ć£o seguem tabeladas e definidas por Ć³rgĆ£os reguladores, o custo das tarifas da energia consumida variam diariamente, e neste cenĆ”rio, entre a variĆ”vel do PLD, ou PreƧo de LiquidaĆ§Ć£o de DiferenƧas, que Ć© medido de acordo com o custo de geraĆ§Ć£o de energia do paĆ­s a cada hora, e ao final do mĆŖs, seu valor mĆ©dio baliza o mercado para valorar as sobras ou faltas dos contratos de energia do paĆ­s.

Em outras palavras, o PLD Ć© o parĆ¢metro utilizado pela CĆ¢mara de ComercializaĆ§Ć£o de Energia ElĆ©trica para valorar toda a energia excedente dos contratos firmados. Essa energia excedente acaba entĆ£o sendo negociada, tambĆ©m ao valor do PLD, com os agentes do mercado que necessitem adquirir uma quantidade adicional de energia, a fim de que, ao final do faturamento de cada mĆŖs, todo o mercado tenha sua necessidade energĆ©tica integralmente suprida, trazendo equilĆ­brio ao sistema.

Assim, Ć© feita uma avaliaĆ§Ć£o da falta ou sobra de energia de cada agente, e essa quantidade serĆ” multiplicada pelo PLD determinado, e assim  tem-se ao valor final que esse agente deverĆ” pagar ou receber.

AlĆ©m de balizar as operaƧƵes residuais de cada faturamento de energia do paĆ­s, o PLD, por refletir o custo mĆ©dio da geraĆ§Ć£o de energia do paĆ­s, influencia nos preƧos da energia dos anos prĆ³ximos, e sĆ£o tambĆ©m referĆŖncia para as operaƧƵes de risco em cada segmento econĆ“mico. Para entender como os preƧos sĆ£o formados, Ć© necessĆ”rio analisar tambĆ©m como a eletricidade Ć© gerada no paĆ­s.

Painel de preƧos_CCEE

Fonte: Painel de PreƧos, CCEE, dia 19 de abril de 2022.

PLD por Submercados

Agora que entendemos o conceito e aplicaĆ§Ć£o do PLD, vale acrescentar que essa contagem tambĆ©m varia de acordo com cada Submercado de energia do paĆ­s.

Considerando que o Sistema Interligado Nacional (SIN) Ć© dividido em quatro Submercados, Ć© necessĆ”rio contar com as questƵes de geraĆ§Ć£o e distribuiĆ§Ć£o de cada regiĆ£o - Norte, Nordeste, Sul e Sudeste/Centro-Oeste.

Por isso, o cĆ”lculo examina as condiƧƵes climĆ”ticas, o nĆ­vel dos reservatĆ³rios, a demanda de energia, o preƧo dos recursos e a disponibilidade de transmissĆ£o e geraĆ§Ć£o de cada Submercado.

A MegaWhat, canal importante de relacionamento e inteligĆŖncia dentro do mercado de energia, traz conteĆŗdos imersivos sobre os cĆ”lculos dos preƧos de energia.

 

>> No nosso Comercast, tambƩm falamos sobre isso. OuƧa agora!

 

Fatores que influenciam o preƧo da energia elƩtrica para consumidores livres

O setor elĆ©trico brasileiro caminha junto com o funcionamento de outros setores e Ć© bastante influenciado pela dinĆ¢mica de administraĆ§Ć£o dos agentes do SIN.

O funcionamento do sistema depende do comportamento de algumas variĆ”veis que alteram o valor de cada serviƧo, e do balanƧo entre geraĆ§Ć£o e do consumo de energia.

Isso implica considerar, alƩm dos fatores de logƭstica, impostos e tarifas, as condiƧƵes ambientais e estruturais para o desempenho do abastecimento dos submercados.

Ou seja, dentre os pilares que influenciam o preƧo da energia, podemos levar em consideraĆ§Ć£o:

1 - Bandeiras TarifƔrias;

2 - Oferta e Demanda;

3 - Estrutura de distribuiĆ§Ć£o - custo de mĆ£o de obra e materiais;

4 ā€“ Modalidade TarifĆ”ria;

5 - Crises energĆ©ticas, sociais, polĆ­ticas ou econĆ“micas ā€“ e seus efeitos na relaĆ§Ć£o oferta x demanda de energia do paĆ­s;

6 - LocalizaĆ§Ć£o geogrĆ”fica - diversidade de climas;

7 - Eventos geopolƭticos - guerras, sanƧƵes e comƩrcio exterior;

8 ā€“ Demanda de energia nos horĆ”rios de Ponta e Fora Ponta.

Para entender um pouco mais sobre as bandeiras tarifƔrias e outros custos, leia tambƩm:
>> Entenda a sua fatura de energia elƩtrica!

Por isso, ao mesmo tempo que sentimos a instabilidade dos preƧos e uma inflaĆ§Ć£o elevada vemos diversos paĆ­ses sofrendo com a disponibilidade energĆ©tica. Um dos exemplos sĆ£o os paĆ­ses europeus, fortemente impactados com a escassez e aumentos dos preƧos do gĆ”s natural, uma das principais fontes de energia do mundo, e que tem a RĆŗssia como sua principal ofertante, afetando o desenvolvimento dessas regiƵes.

Outro ponto interessante de se avaliar quando pensamos na gestĆ£o de energia, principalmente em indĆŗstrias do mercado livre Ć© a Hora Ponta e Hora Fora Ponta. Essas sĆ£o classificaƧƵes para os horĆ”rios de consumo do paĆ­s, que tem 3 horas especĆ­ficas de pico do consumo, definidas junto Ć s concessionĆ”rias, chamado ponta, e as demais horas de menor consumo, ou fora ponta.

Devido ao alto consumo, que impactam os preƧos uma vez que a disponibilidade de energia nĆ£o cresce de forma linear, as tarifas nos horĆ”rios de ponta sofrem um significativo aumento nos seus custos em relaĆ§Ć£o ao horĆ”rio fora-ponta, buscando induzir os consumidores a distribuĆ­rem o consumo de forma mais homogĆŖnea durante os perĆ­odos.

Como calcular o consumo de energia elƩtrica empresarial?

Contando com todas as variĆ”veis apresentadas, a energia em si Ć© calculada de acordo com a potĆŖncia necessĆ”ria para manter os equipamentos da sua empresa funcionando em perfeito estado.

A quantidade, dada em watts, Ć© multiplicada pelo tempo de funcionamento. Esse valor corresponde ao consumo de energia daquele equipamento por dia, ou seja, para determinar o consumo mensal, multiplica-se a potĆŖncia utilizada em cada hora, durante todo o mĆŖs.

Esse segundo valor encontrado serĆ” calculado com o preƧo da energia na sua regiĆ£o, e assim teremos o valor especĆ­fico do consumo direto de energia, sem qualquer outro fator.

O preƧo do KWh pode ter quatro variaƧƵes no Grupo A, que engloba consumidores de grande porte. Por isso, Ć© aconselhĆ”vel que vocĆŖ se certifique desse valor diretamente com a fornecedora contratada, para poder realizar o cĆ”lculo com mais precisĆ£o.

Esse valor final encontrado, serĆ” somado Ć s variĆ”veis citadas, como bandeiras tarifĆ”rias, impostos, tarifas (TE e TUSD) e horĆ”rio de consumo. SĆ³ assim, chega-se ao valor apresentado na fatura.

O processo de fazer sua prĆ³pria apuraĆ§Ć£o garante um melhor controle dos seus gastos e um histĆ³rico de consumo Ćŗtil para futuras movimentaƧƵes dentro do mercado.

conta-luz

Como a Comerc Energia pode ajudar a sua empresa a economizar?

Mesmo depois dessa leitura, vocĆŖ sente que precisa de mais informaƧƵes para dominar a gestĆ£o de preƧos da sua empresa? NĆ£o se preocupe! Ɖ sempre mais fĆ”cil contar com uma gestora especializada no mercado de energia.

NĆ³s, da Comerc GestĆ£o, podemos te oferecer a assistĆŖncia necessĆ”ria para impulsionar sua gestĆ£o e garantir as melhores condiƧƵes possĆ­veis na contrataĆ§Ć£o de energia.

A Comerc pode te ajudar a economizar atĆ© 30% na conta de energia! Se vocĆŖ tem interesse e quer se aprofundar no tema, entre em contato e converse com o nosso time!

 

 

Quer saber mais sobre nossas soluƧƵes? Fale com nossos especialistas.
Preencha o formulĆ”rio abaixo e descubra como a Comerc Energia poderĆ” ajudĆ”-lo. Nossa equipe estĆ” pronta para orientar e guiar vocĆŖ no melhor e mais econĆ“mico caminho.

 

Como reduzir custos na sua empresa

Separamos 6 dicas para te ajudar com a economia de energia no final do mĆŖs.

Baixar ebook

Mais notƭcias sobre Energia RenovƔvel